6/29/2008

Amanteigada

Ontem eu tive um final de tarde tão agradável. Estive com pessoas tão queridas. À noite também foi ótima. Uma das queridas disse que viu no YouTube uma cena dos Trapalhões hilária -no tempo em que os Trapalhões era aquela coisa pastelão que de tão ridículo, beirava o bacana. Achei a cena e quero compartilhá-la com vocês. É com o Zacarias de pneus. Vai em homenagem à querida amiga:



Tem coisa mais sensacional do que citar a amanteigada que o Brando deu na Maria Schneider em pleno 1981, quando há alguns anos atrás o filme havia sido censurado?

Bom final de domingo a todos e em especial pra Janaína Leite, aquela, sabem?, jornalista com J maiúsculo. Amanhã dia de muito trabalho, não é?

E como não tenho faniquito mesmo, tasco uma musiquinha que nunca é demais. É meu momento, fazer o quê? "Chorar não é pra mim..."

11 comentários:

Janaína disse...

HAHAHAHA

Foi ótimo mesmo, querida. Que seja a primeira de muitas saídas. Um grande beijo!

PS: A memória da Bibi é incrível mesmo...

Marie Tourvel disse...

Adorei, Jana, adorei. Amigos maravilhosos que temos, não é? A Bibi é uma querida como você. Vamos sair muito mais vezes, sim. Um grande beijo.

Sabesselá Quem disse...

Oi Marie,

O vídeo não está available... não pude ver. Adoro esse filme, adoro essa música. A cena da bicicleta é uma delícia... Sabe, foi a primeira música que dancei num palco, eu tinha 3 anos.
Fui ao lançamento da "Dicta & Contradicta", rapidinho... quase que furtiva. Interessantíssima... Adorei os desenhos do Von Poser. O humor do Ruy Goiaba (descobri o blog dele). Adorei o Henrique Elfes, ele tem um jeito de escrever muito gostoso; as aulas do Tolentino (queria ter tido a oportunidade de assistir às aulas dele). O conto "Agostinho", ah, e Kafka à beira do abismo, claro.
Enfim...li tudo, mas esses foram meus preferidos.
"Último Tango em Paris"... Tomara que não tenha sido o último... sensacional!
Bom, Marie, tava com saudade, sabia?
Beijo.
:)

Marie Tourvel disse...

Sabesselá, que saudade! Pensei que não viria mais por aqui. Sabe o quanto gosto de você, né? Puxa, que pena que não assistiu ao vídeo, dá uma insistidinha que vale a pena. Fala a verdade, sabesselá, a revista é demais, né? Puxa, se eu estivesse por aqui no lançamento, com certeza iria. Que bom que tenha descoberto o blogue do Ruy. Olha, opinião minha e do Diogo Mainardi, é o melhor blogue pra se ler. Inteligente, bem humorado e gostoso de ler. Eu faço a maior propaganda do Ruy mesmo. Ele é o máximo. Que bom que veio por aqui. Muitos Beijos.:)

Rover disse...

Marie, tudo bem? Só pra deixar um olá, pois, as usual, sumi.

PS: Cuidado com esse banner! As gangs politicamente corretas vão querer processar Marie Torvel - e o que será de nós? Beijo.

Rover disse...

Bai de uêi: o vídeo é nada menos que sensacional, hahaha... ri muito aqui, chamei até a mamãe Rover pra ver. Lembramos de jovens tardes-noites de domingo, quando assistir os Trapalhões era obrigatório pra família toda, das 19h Às 20h, antes do Fantástico... q hoje tá realmente "Cansástico". Enfim, tudibom, Marie!

Marie Tourvel disse...

Ói Rover, querido. Que saudades de você... É mesmo, né? acho que aquela esquerdaiada vai querer me processar. E eu não tenho essa grana toda pra pagar "adivogadu". Vou tirar, viu?
O vídeo é bom demais, né não? Será que com esse serei processada pela piadinha com o Ney Matogrosso? Um beijo e não some, tá?

Roger disse...

Esse "tumbém" do Didi Mocó é Camões puro! Uma reforma ortográfica de vergonha não esqueceria tumbém dos clássicos (ou "crássicos") "adespois" e "ocê". Cafundó rules!

Marie Tourvel disse...

Ai, Roger, querido, e o "cuma?". Isso era poesia pura. Essa reforma ortopédicagrafica não está com nada mesmo. Deixem o trema em paz. Acresentem só essas nossas palavrinhas, né? Feliz por sua visita, viu? Beijos, querido

Léo e só disse...

hoje pude assistri a esse vídeo dos trapalhões. sensacional! eu só tenho a agradecer a você Maire por trazer esse costinho de infância.
Sò um detalhe, eu nasci em 81, mas pude ver várias vezes essa cena natv, pois a censura do politicamente incorreto não impereva!

abs, e mais uma vez vc deixa minha noite com sorriso.

abs

Marie Tourvel disse...

Só agora recebi esse seu comentário, Léo. E o pior é que os dependentes do speedy, estão todos sem internet. Que delícia, queria tanto dizer com a boca cheia que nasci em 81... hahahaha Que bom que te fiz sorrir, querido amigo. Muitos beijos, viu?