9/12/2008

Ne me quitte pas

Ao gosto do freguês:

Maysa - Ne me quitte pas


ou

Ornella Vanoni - Ne me quitte pas


ou

jacques brel - jacques brel -ne me quitte pas


ou

Edith Piaf - Ne Me Quitte Pas


ou

Nina Simone - Ne Me Quitte Pas


O fato é que todos imploram: ne me quitte pas...

Adendo: Talvez tenha faltado uma versão com Monsieur Gilbert, mas não encontrei nenhuma, não. Tinha mesmo é que tascar um F...Comme Femme do Adamo que é hilária, mas sempre fica chique postar música francesa, mesmo que seja tosqueira pura. Tá bom, hoje a italiana aqui está toda francesa. Estava toda alemã, mas não encontrei a música alemã que eu queria, então vou de francês mesmo:

ADAMO - F... COMME FEMME


Eu sei que em francês é melhor postar o bom e velho Baudelaire, mas além de estar francesa e alemã, estou musical. Isso vai passar.

Adendo 2: a querida leitora Aliki (volte sempre, querida), mencionou na caixa de comentários sobre uma versão latrina para Ne Me Quitte Pas. Isso consegue acabar com o mito da sofisticação da música francesa. Encontrei e tasco aqui (perdoe-me mais uma vez, Rose, querida. É que com maracas eu nunca tinha ouvido, não):

Yuri Buenaventura - Ne Me Quitte Pas


Chega disso, pelamordedeus. Depois dessa última sei que ficarei com seqüelas.

17 comentários:

QuincasB disse...

escolho a nossa piaf de botafogo, bonjour marie

Marie Tourvel disse...

Eu tinha certeza que escolheria essa, Quincas, querido. Bonjour e um beijinho.

Rose Marinho Prado disse...

Odeio odeio odeio esta música...a melodia, o dramalhão..odeio.

Por favor, Marie Tourrvel...ponha o seu velho Baudelaire.

Grata...rs

Marie Tourvel disse...

Ai, Rose, perdoe-me. Acho que é o maior dramalhão mesmo, mas eu achei que seria uma brincadeira saudável. Juro que colocarei um Baudelaire em sua homenagem. :))). Um beijo, querida.

ana v. disse...

Ninguém como Brel, a cantar isto. Afinal, foi ele quem a escreveu e ainda por cima sob o efeito de uma vanlentíssima dor de... cotovelo! (esta é uma casa séria, há que haver contenção nas palavras...).
Mas sugiro uma versão curiosíssima, toda cheia de salero flamenco para aumentar ainda mais o dramalhão, da Estrella Morente.

Está aqui: "http://www.imeem.com/fernanda86/music/KFSXxJQQ/estrella_morente_ne_me_quitte_pas/"

Um beijo, bela e misteriosa Marie.
;)

Sabesselá Quem disse...

Oi Marie... çavá?

Gilbert Becaud... "Et Maintenant", adoro!

"Et Maintenant
Que vais je faire
De tout ce temp
Que sera ma vie...
De tout ce gent
Que m'indifère
Maintenant que tu est partis..."

Pourquoi... pourqui?

Ôôô tosqueira!!!

Fico com Maisa... se é pro mundo cair... que caia. Cantava muito!
Essas músicas fazem parte da minha infância, que eu trago na lembrança, por motivos particulares...

"Ne Me Quite Pas"... uma canção que depende de quem canta pra você... soa lindo ou soa incômodo.

Marie, você está na Alsace ou Elsass? Bons vinhos.

Beijos.
:)

Marie Tourvel disse...

Ana, querida, essa versão que colocou aí é bem dramalhona mesmo. Sabe que eu queria a da Marlene Dietrich e eu não encontrei? Estou a procura. Queria uma também do Kurt Weill e não acho. Daí ter colocado sem nenhum nexo o "Ne me quitte pas". Bela? Misteriosa? Ai, ai, ai, ai, ai, Ana. Um grande beijo e obrigada pelo carinho.

Marie Tourvel disse...

Olá, sabesselá. Meu mundo ainda não caiu, mas tá num barranco desgraçado. :) A tosqueira do Monsieur Gilbert já está devidamente anotada. Vou procurar... Soa lindo, incômodo, tanto faz. (mais um desabamento por aqui. Epa!) Estou em Elsass, acho. Mas pode ser Alsace. De qualquer forma trarei bons vinhos para brindarmos aqui no Letras, tá? ;) Beijos!

Lelê Carabina disse...

Meus sais como esta música combinou com minha tpm, Marie! hahaha Gostei, gostei muito! Escolho a versão Nina =) Aliás, falando em música francesa, gosto bastante de música neste indioma, estes dias escutei uma na rádio, era a famosa Carla Bruni, gostei dela também [mas não entendo nadica de nada nestas veredas...] Beijão.

Lelê Carabina disse...

Ainda: gostei muito da versão Piaf, mas ela está dramática demais, talvez combine com outros dias, outras fases hormonais e espirituais! rsrsrsrs =P

Marie Tourvel disse...

Eu confesso que eu gosto de Nina. Para qualquer música, Lelê, querida. Adoro algumas coisas da Carla Bruni. Já gostei mais do marido dela, inclusive. :) Um grande beijo.

Anônimo disse...

Não sou anônima, Marie, sou aliki, informatico-analfabeta. Por isso tb não saberia linkar a versão colombiana do "Ne me quitte pas" pelo Yuri Buenaventura. O ritmo de cumbia, o sotaque malandro latino, a alegria com a qual ele choraminga e vai virando a página, são sensacionais, um bom colirio afetivo. A tant tôt.

Marie Tourvel disse...

Olá, aliki. Vou procurar essa versão malandra latina e se encontrar coloco como adendo, querida. Talvez eu não encontre também, pois sou uma anta da informática, viu? :)))
Um beijo e volte sempre.

Frodo Balseiro disse...

Grande Marie! A seleção arrasa cotovelo está de lascar...
bjão
frodo

Marie Tourvel disse...

Oi, frodo, querido. Eu achei essa seleção um chororô só. Que bom que tenha gostado. :). Um grande beijo.

Janaína disse...

Ai, que delícia... Piaf e Maísa, com certeza. Beijoca.

Marie Tourvel disse...

Ei, Janinha, querida, a Piaf tá meio que no dramalhão mesmo, mas sempre maravilhosa. A Maysa... bem, é a desquitada (hahahahaha). Tem a Nina Simone que é simplesmente maravilhosa. Pô, cê nem falou do tal Yuri, né? :)))
Beijocas!