3/13/2009

Stand By Me

Depois de algumas lambanças e bobagens (sim, mais algumas só para variar), posto a musiquinha:



Sexta-feira treze. Tenho que me preparar para um reencontro. Acho.

;)

18 comentários:

Orlando disse...

A versão original, de Ben E. King. Gosto com John Lennon também. A sexta feira é 13, mas e daí? Toda vez que ouço falar em superstição, dou três batidinhas na madeira. :)

Marie Tourvel disse...

Gosto de todas as versões desta música. É lindinha, né? Eu nem acredito em nada, Orlando, querido. Só brinquei. Mas não custa bater na madeira... ;)
Tudo bom por aí?

Beijinhos

Anônimo disse...

Marie:
O que postei foi um conselho,um exemplo.Jamais teria te comparado à uma ratazana.
Você é ursa.
Acordar tem o duplo sentido,também de acôrdo.
Você é doce ,meiga,mulher;deixe que o mundo venha até você,não vá atrás do mundo.Você é dona do mundo ,você é mulher.
Calma,o que é seu vem na sua mão ,me disse uma vez minha grande amiga,em Paris,num Ano Nôvo,Irene Ravache.

Beijos

Günther.

Marie Tourvel disse...

Eu sei, Günther, querido. É que por muitas vezes eu ajo sem pensar. Não sei se sou ursa, não. Me considero tão lenta que estou mais para bicho-preguiça. :)
Mas por pensar desta forma -que o mundo tinha de vir até mim, é que estou aqui sofrendo a ausência. Mas eu gostaria de acreditar no que disse a sua amiga Irene.
Obrigada por voltar por aqui e me fazer refletir. Você é muito carinhoso, Günther. :)

Beijos

MIKIO disse...

Bom dia querida.

Concordo com a Irene: "o que é seu vem na sua mão".

Não quer dizer que devemos ficar parados, esperando. Acredito que se for pra ser nosso, será, ainda que pareça o contrário.

Mas essa reflexão nada mais é do que a esperança de alguém que ainda espera...sempre por ela.

:(

Bom final de semana!

Beijos.

Gerson Guelmann zs disse...

Alguém aí se disporia a me dizer, de forma bem didática, tipo mobral, de preferência, o que está acontecendo?

Anônimo disse...

Marie:

Mude o foco,vire as costas e bata a poeira das sandálias.
A sorte e o amor batem pelo menos uma vez à porta das pessôas;mas geralmente elas estão no bar bebendo.

Günther.

Marie Tourvel disse...

Agora, para mim, já é boa tarde, Mikio. ;)
Quero acreditar, querido, de verdade. :)
E eu torço muito por você, porque é um querido. ;)

Bom fim de semana.

Beijocas

Marie Tourvel disse...

Gerson, meu querido comentarista, foi uma frase que o Günther colocou num comentário de D.H. Lawrence e que falava de ratazanas e ursos. E eu falava de minha impulsividade. Mas eu te explico por e-mail de forma mais didática, cê quer? ;)

Saudades de seus comentários.

Beijos!

Marie Tourvel disse...

Não consigo mais mudar o foco, a não ser que mudar o foco signifique mudar minha atitude. Aí, acho que você tem razão. Minhas atitudes não estão sendo muito boas, não.
E pra mim, que nem bebo -ok, só um vinhozinho de vez em quando. :))))))

Obrigada mais uma vez pelo carinho. Você é um amor. ;)

Mais beijos pra você

Gerson Guelmann zs disse...

Sim, asap, please.

Mike disse...

E então?... como foi esse reencontro? (risos)
Curiosity killed the cat, mas como não sou gato... (mais risos)

Marie Tourvel disse...

Gerson, querido, envio o e-mail explicando logo, logo. :)

Beijocas!

Marie Tourvel disse...

Mike, querido, ainda não aconteceu o reencontro. Estou me preparando. Me disseram que ele se aproxima e eu tenho que estar preparada para que minha impulsividade não atrapalhe tudo. ;)
Quando ele acontecer eu conto. :)

Beijocas!

ana v. disse...

Quem sabe, hein? Mas depois queremos saber tudinho, Marie! ;-)
beijos

Marie Tourvel disse...

Aí, Ana, querida, quando chegar o dia postarei a música mais bela do mundo e o meu sorriso bizarro aí ao lado parecerá um sorriso brilhante. :)

Obrigada pelo carinho. ;)

Beijos!

Mike disse...

A Ana é uma cusca, Marie. (risos)

Marie Tourvel disse...

A Ana pode ser o que quiser que sempre será uma querida. E você também, Mike, meu lindo. ;)

Beijos!