6/02/2009

...of all the gardens

Não tenho muito a dizer e talvez por vários dias não terei. Tristeza profunda e a porta de minha consciência aberta. Pocket Classic no Porta do Vento. Cândido de Voltaire. Dr. Pangloss de Voltaire. Martinho de Voltaire. Voltaire... Afinal, estou descobrindo o motivo por ter lido tanto. E tentando entender minhas dores. Tentando entender meu jardim.



Um dia disse por aqui, entre várias bobagens que já escrevi neste espaço, que tudo o que eu queria era cuidar de um determinado jardim. Hoje sei que além dele, tenho outros para cuidar. Não sem antes cultivar o meu que está fragilizado e quase morto, mas ainda respira. Água, peço água.

20 comentários:

Shi disse...

Marie, querida, meu abraço mais carinhoso pra vc, viu? E um bjo!

JúliaML disse...

minha querida Marie!...

nem sei que diga, tambm ando introspectiva. deixo-lhe o meu abraço-ombro

Mike disse...

Cuide de seu jardim, Marie. Cuide dele com muito carinho. A água chegará. Nem que seja gota a gota, como cada comentário que cada um de nós deixa por aqui. Coragem, menina.

Marie Tourvel disse...

Adoro seu carinho, ShicaMaria. Sabe o quanto eu gosto de você e sei que fez aniversário por esses dias. Dia 18, foi isso? Mando um abraço apertado, daqueles bem amigo. :)

Beijinhos!

Marie Tourvel disse...

Júlia, querida, sei que tenho em você uma amiga verdadeira. Instrospecção se faz necessário por muitas vezes. E eu entendo tão bem disso.

Um grande beijo e muito obrigada.

Marie Tourvel disse...

Sei o quanto gosto de você, Mike, e sinto reciprocidade. Quando você vem me visitar, meu jardim fica bem mais florido. Com amigos como você minha coragem aumenta muito. Obrigada pelas palavras sempre lindas.

Beijos!

Fernando Sampaio disse...

Que tristeza é essa Marie? Mme. Tourvel morreu de tristeza de amor, espero que a sua tenha remédio! Bisous, se precisar estou aqui!

Anica disse...

Também sou sua amiga, tá Marie. E adorei a foto do blog.
Bj
:)

Marie Tourvel disse...

Fernando, meu amigo querido, sei que tudo nessa vida passa. E nós aprendemos, afinal, não é? Às vezes a vida dá um "presta atenção" na gente que tem que ser levado em consideração. Eu tô levando. E sei tão bem que posso contar com você. :)

Bisous

Marie Tourvel disse...

É um grande privilégio tê-la como amiga, Anica, querida. :)

A foto é bem bacana mesmo, né?

Beijos!

Raquel disse...

Marie,
estarei por um tempo, meio fora do ar. Mudar é tudo que farei. Depois falamos. Um estoque de beijocas, com uns pacotes de suspiros para durar por um tempo

Marie Tourvel disse...

Está bem, Raquelita. Mas, já sabe, caso precisar de ajuda nesta mudança, sabe que pode contar comigo, né? :)

Beijocas!

Mike disse...

Se precisar de mais água... ;D

Marie Tourvel disse...

Tô precisando, sim, Mike. Cê me dá? ;)

Beijinhos!

QuincasB disse...

très bonjour, marie

Marie Tourvel disse...

Bonjour et bisous pour toi, mon cher Quincas.

Johnny na Babilônia disse...

"Nem sempre vai ser assim".

Pra ser usado nos melhores e nos piores momentos da sua vida!

bjos!

Johnny

Marie Tourvel disse...

Meu grande amigo, Johnny, tudo passa, não é assim? Vai passar.

Um grande beijo e obrigada.

Rose disse...

Essa mulher no topo da página, ela pode escorregar.

Beijos

Marie Tourvel disse...

Ela já caiu, Rose, querida.

Beijos e saudades